APAE de Batatais amplia ações na prevenção de deficiências

Toda criança nascida no Brasil tem o direito ao Teste do Pezinho. Os exames são realizados por laboratórios oficiais credenciados pelo Ministério da Saúde. Em Batatais, as coletas de sangue acontecem, desde 1993, na APAE, e são, posteriormente, encaminhadas ao Laboratório do Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto [HCFMRP] para análise.


A instituição é modelo no serviço de prevenção e ampliou o Programa Nacional de Triagem Neonatal e oferece também à população um serviço extensivo ao Teste do Pezinho, com a Triagem Auditiva, conhecido como “Teste da Orelhinha”, que detecta possíveis alterações auditivas; Avaliação Genética e o Projeto Família, que realiza orientação às famílias e atendimento às crianças de 0 a 5 anos e 11 meses com fatores de risco para deficiência.


Subsidiado pelo SUS (Sistema Único de Saúde), o Teste do Pezinho é totalmente gratuito e deve ser realizado entre o terceiro e o quinto dia de vida do bebê. O exame detecta doenças congênitas, infecciosas e assintomáticas como a fenilcetonúria (PKU); hipotireoidismo Congênito (HC); anemia falciforme; fibrose cística; deficiência de biotinidase e hiperplasia adrenal congênita.


“O objetivo é detectar precocemente essas doenças que se não tratadas a tempo poderão causar lesões irreversíveis e levar à deficiência intelectual e causar outros prejuízos à saúde das pessoas”, afirma a coordenadora de prevenção da APAE Batatais, Vera Lucia Garavine Rizzo.


No caso de diagnóstico positivo para alguma deficiência, a APAE Batatais dispõe de  uma equipe multidisciplinar composta por especialistas das áreas de genética, neurologia, psiquiatria, ortopedia, otorrinolaringologia, psicologia, nutrição, fisioterapia, terapia ocupacional, fonoaudiologia, enfermagem e assistência social que oferece o apoio e o atendimento necessários aos usuários.


Estima-se que, anualmente, ocorram, em média, 600 nascimentos no município, demanda referenciada em sua totalidade para a entidade. Segundo a coordenadora de prevenção, a APAE recebe ainda, quando necessário, neonatos dos seis municípios que compõem o Vale das Cachoeiras: Altinópolis, Brodowski, Cajuru, Cássia dos Coqueiros, Santa Cruz da Esperança e Santo da Antônio da Alegria - os quais são atendidos pelo Centro Especializado em Reabilitação - CER III APAE Batatais.


De 1993 a 2016 foram realizados 16.412 exames por meio da instituição. Em 2016, dos 659 neonatos que realizaram a coleta de material para o Teste do Pezinho, todos apresentaram resultados normais. “O saldo destas ações mostra uma significativa redução de deficiências e minimização de agravos devido ao diagnóstico precoce, que permite atendimento em tempo hábil reduzindo a instalação de limitações permanentes. O Serviço de Prevenção é a APAE em sua essência”, finaliza Vera.


Sobre o Dia Nacional do Exame do Pezinho 

O Dia Nacional do Teste do Pezinho, lembrado no último dia 6 de junho, foi criado com o intuito de alertar a população sobre a importância de realizar o exame de prevenção, que visa impedir o desenvolvimento de doenças que, se não tratadas, podem levar à deficiência intelectual ou outras doenças. 


O Teste do Pezinho é feito a partir de gotas de sangue colhidas do calcanhar do recém-nascido. Desde 1992, o teste se tornou obrigatório em todo o país e, em 2001, o Ministério da Saúde criou o Programa Nacional de Triagem Neonatal. Segundo o órgão, mais de 80% das crianças nascidas em território nacional passam pela Triagem Neonatal anualmente.

 

Fonte: Assessoria de Comunicação FEAPAES -SP
Cadastrada em: 08/06/2017 09:16:37
curta nossa fanpage
editais
onde estamos

FEDERAÇÃO DAS APAES DO ESTADO DE SÃO PAULO

Rua Tomaz Pedro do Couto, 471 - Distrito Industrial

CEP: 14406-065 - Franca - SP

Fone: 16 3403-5010

Fax: 16 3403-5015

E-mail: feapaes@feapaesp.org.br

Federação das APAEs do Estado de São Paulo

Todo o conteúdo deste site está publicado sob a Licença da FEAPAE-SP